Páginas

terça-feira, 12 de outubro de 2010

Quem ama o estranho, bonito lhe parece


Roupinhas um tanto quanto fora do comum...

Capa para uma leitura do seu notebook, privada e confortável.

Gaga, a rainha do "inovador"


Onde você vê o estranho?

Nossos olhos certas voltas encontram informações de imagens, estilos, pessoas, coisas, assuntos que classificamos logo como material ESTRANHO.
Mas o estranho é aquilo que é desconhecido.
A uma primeira vista nosso cérebro pode julgar estranho aquilo que ainda não havíamos imaginado ou enxergado de tal forma que nos é apresentado.
Porém o estranho deixa de ser estranho quando você se acostuma, se torna mais íntimo ou conhece melhor.
No meio da moda, quantas aí já não atiraram pedra em alguma peça apresentada num desfile vanguarda e mais tarde se acostumaram com a idéia e passaram a usar e amar?!
Um exemplo recente foi a tendência da cintura alta. Apresentada pela primeira vez perto de 2007, muitas críticas de moda arriscaram que pegaria apenas para figurinos, personagens de novela, produções, desfiles e fashionistas, mas não cairia no gosto do povo.
Passado certo tempo, parece que a massa das consumidoras aprovou e muito. Aposto que todas as leitoras agora possuem uma sainha cintura alta ou um vestidinho de cintura marcada em seus armários.
Por isso antes de julgar, experimente, prove da idéia nova, arrisque mudar. Só assim saberá se gosta, ama ou odeia.
EU VEJO NO ESTRANHO UMA PORTA PARA CONHECER COISAS NOVAS!
EU VEJO O ESTRANHO ONDE EU POSSA SAIR DA ROTINA E DO ÓBVIO.
EU VEJO O ESTRANHO NUMA PORTA ONDE PRECONCEITOS SEJAM QUEBRADOS.
E VOCÊ? ONDE VOCÊ VÊ O ESTRANHO?

Se quiser, deixe seu comentário respondendo!


Leia:





Nenhum comentário:

Postar um comentário